Arquivo da categoria: Comidinhas

Páscoa sem ovo, porém doce!

Hey people! Estou passando o fim de semana de páscoa com minha irmã. Como não pude comprar um ovo de chocolate para ela, decidi fazer um doce!

Dei uma pesquisada na internet e encontrei uma receita de cupcake de nutella!! Porémmmmm, não estava afim de gastar muito! Então eis uma receita adaptada de cupcake de chocolate com nutella! Booommm demais!

cupcake

 

  • 6 colheres de sopa de doce de leite com cacau (usei da Frimesa)
  • 6 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 1 colher de sobremesa de fermento em pó
  • 2 ovos
  • Nutella para cobertura

Misture bem o doce de leite, a farinha, o fermento e os ovos e leve ao forno pré-aquecido, por cerca de 15 minutos, a 200 ºC. Depois de frio é só cobrir com nutella e se deliciar! Rende 12 bolinhos.

Se fizer, me conta como ficou?!

Feliz Páscoa!!!! Beijos!

 

Anúncios

O melhor drink de todos os tempos!

Domingão…chuvinha gostosa lá fora… a inspiração veio e o almoço foi “supimpa”!! Pra começar um super drink que inventei outro dia. Sabe aqueles chás de caixinha que vem branco, verde e vermelho? Pois então, amo eles! Tinha uma caixinha de chá vermelho com amora dando sopa na geladeira, um limãozinho esperto e uma garrafa de vodka. Uma receitinha barata que vale a pena e rende muito!

copo

As medidas? Vou muito do olhômetro e do meu gosto. Mas para um copo grande, como o que eu usei hoje (inclusive, esse copo da Hersheys foi um presente que veio direto de NY…OMG!) que tem cerca de 400ml, você pode fazer assim:

* Meio limão siciliano espremido (ou um limão taiti)

* Uma colher de açúcar light (eu uso União)

* 2 dedos de vodka (cerca de 100m )

* Complete o copo com gelo e o chá!

copo1E voilá! Um drink delicioso e pra lá de refrescante. Em uma das minhas versões acrescentei ainda um pouco de suco de uva integral (desses de garrafa de vidro). Ficou divino!copo

Ah..ainda teve o almoço! Ao invés de gastar uns 30 reais no Subway nós fomos no mercado e compramos várioooss ingredientes! Fiz uma carne frita em tirinhas bem finas, rodelas de peperoni (amo!) que dei um susto na frigideira para ficar mais gostoso (acho que o sabor fica mais evidente do que crú), fatias de lombo, queijo, polenguinho, peito de frango (desses embutidos), e salada! Resultado: um super baguete delicioso!sand

Depois de um tempo a gente percebe que um domingo em casa, com invenções culinárias pode ser mais barato e mais divertido do que sair para comer. Apesar da louça (cof cof), vale muito a pena!! Fazer comidinhas à dois é lindo!

 

 

Comidinhas, diversão e tcc!

Nossa, nem sei quanto tempo faz que escrevi o último post! Tanta coisa aconteceu nas últimas semanas, que eu acabei não tendo tempo nem de registrar momentos legais. Mas já anotei na minha memória (tão desligada) que devo carregar minha câmera comigo com mais frequência, começando já!

Uma das coisas que me afastou um pouco do blog foi o famigerado TCC. Na verdade 4 projetos experimentais da faculdade que continham a parte teórica e prática. Não foi fácil, não! Essa semana começam as bancas e o frio na barriga vem à tona. Dá um medinho! Mas o trabalho foi bem feito e meu grupo confia no taco! rsrs ..No meio disso tudo, na semana passada lembrei de registrar umas comidinhas que fiz para um casal amigo nosso! Registrei tudo com a câmera do iPad, então a qualidade não está lá aquelas coisas.

Sabe que eu amo cozinhar, né! E deixo aqui a dica de um blog muito bom, o Panelaterapia, onde pego várias receitinhas gostosas pra testar. Uma delas foi essa batata, beeemm temperada! Uma delícia! Servi de entrada, enquanto conversávamos e fofocávamos!

Prato principal? Um self-service caprichado! Já falei aqui da Piadina e a ideia é a mesma, só que dessa vez economizei tempo usando o rápido e prático Rap10, da Pullman. A Carol, nossa amiga, não come carne vermelha, nem embutidos. Então fiz um franguinho picadinho e para os normais nós também teve presunto e linguiça. E muita salada!

 

E para a sobremesa uma receita de banana lá do Pitadinha (outro blog muito bom). Confesso que deu um trabalhinho básico fazer. Tem que preparar uma calda de caramelo e deixar as bananas cozinharem nela por um tempo. Quando estiver bom, é só colocar numa tigela e cobrir com merengue. Acontece que eu queria comer essa sobremesa gelada e a banana, que antes estava molinha, ficou dura e estranha. rsrsrs.. Na próxima, invisto num sorvete de creme e sirvo quente! Acho que vai ficar mais gostoso! Tirei umas fotos enquanto preparava.

A arte de separar a gema das claras!

Depois do forno!
Um pedacinho

E essa foi uma jantinha bem divertida! Como disse, vou me esforçar para tirar mais fotos. Acho que agora, com a calmaria na faculdade, consigo me organizar melhor. Hoje eu aproveitei a insônia pra fazer esse post! Daqui algumas horas é a banca do tcc e ainda tenho algumas coisas pra estudar.

Beijo, beijo!

 

 

 

Prático, mas nem tanto

Se tem uma coisa que eu gosto é de receitas que não necessitam de muita louça para fazer. Uma colher, uma bacia, uma panela e tá tudo certo! A piadina é assim. Esse pão de frigideira super simples que aprendi em um dos meus programas de tv preferidos, o Cozinha Prática, da Rita Lobo.

A primeira vez que fiz essa receita foi num jantar de uma amiga. Ela não sabe cozinhar e pediu um help pra mim! E como a conta do mercado foi dela, a piadina ficou beeemmm recheada. Empolgada com a receita simples, acabei fazendo aqui em casa, com um recheio mais básico (que eu sempre vario)…no fim a piadina fica um lanche bem gostoso. Depois de fazer ela você nunca mais vai querer saber de Rap 10!..hahaha.

Você só precisa de farinha, leite, fermento em pó, azeite (usei óleo mesmo) e sal!

 

 

Mistura tudo, faz 6 bolinhas e deixa de lado (aproveita para preparar o recheio!)

 

Eu usei esses ingredientes mais rúcula, calabresa, presunto, queijo e catypiri… o que tiver na geladeira ou que vier à mente!!

Um desses já está de bom tamanho! É uma receita prática, porémmmm eu acabei sujando bastante louça para preparar o recheio!! rsrs

Segue a receita original da Rita. E pode seguir a risca poque dá super certo. Eu tenho medo de receitas de pão, porque ou fica muito mole e tem que adicionar farinha, ou fica muito seco e tem que adicionar mais leite ou água! Mas essa não tem erro!

Piadina
3 xícaras (chá) de farinha de trigo e mais um pouco para enfarinhar a mesa
1 ½ colher (chá) de sal
1 colher (chá) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 xícara (chá) de leite

Modo de preparo:
Em uma tigela grande, junte a farinha, o sal e o fermento. Misture e abra um buraco no centro. Coloque o azeite bem no meio e vá esfregando a farinha com os dedos para misturar. Junte o leite em duas etapas e, com as mãos, misture bem, até formar uma bola. Transfira a massa para uma superfície de trabalho enfarinhada e trabalhe a massa por 3 minutos, no máximo. Enrole a massa para formar uma cobra e divida em 6 pedaços iguais. Se não quiser fazer todos os pedaços, congele a massa restante, antes de abrir, já em porções embrulhadas em filme. Cubra a massa que será usada com um pano de prato úmido. Mas atenção, o pano não pode estar molhado.

 

Keep Calm and Cook!

Eu amo, amo mexxxxmo as panelas, os talheres, os ingredientes, um belo fogão para cozinhar tudinho…eu amo cozinhar! É gostoso, é terapêutico! Porque, se a receita não dá certo você se estressa, fica chateada, pode até chorar… mas se a receita dá certo, PUTZ!! É uma sensação muito boa, é um lance de reconhecimento quando alguém experimenta tua comida e fica deliciada, elogia pacas!

Eu acredito que pra mim, o gosto pelas panelas tá no sangue, veio de herança, geração por geração. Obrigada mãe, obrigada vó, bisavó, tataravó, hahaha!

Essa semana passou na tv o filme Julie & Julia, dá uma olhadinha no trailler:

Agora você imagina, eu, uma quase jornalista, louca por blogs e por culinária, assistindo esse filme! Sim, eu pirei! Já me imaginei pegando o meu mais novo livro (da Dona Benta, que quase não tem receita) e fazendo algo parecido! Só que não…agora não é possível e além do mais, nada original!..ahaha..

Eu tenho alguns livros, que são muito bons! Eu AMO de paixão o Jamie Oliver, o jeito dele, a simplicidade e tudo mais! Tenho um livro (snif snif, unzinho) e assisto ele no GNT, onde também acompanho outros programas maravilhosos. Mas hoje quero mostrar meus livros. O mais recente é o da Dona Benta. Livrinho pequeno, quase nenhuma receita né. Tenho dois de cupcakes (presentes da mami!), mais um com umas 400 receitas e um que mistura receitas e decoração!

 

 

 

 

 

Esses são meus livrinhos queridos!! Gostaria de usá-los mais, porém algumas receitas são muito caras e tem ingredientes que não encontro no interiorrrrr!!..hahaha.

Adoro culinária e tenho dito!

 

Xoxo

Vai um bolinho aí?!

Eu amo bolo! Amo comida, mas bolo tem gostinho de infância. Comi muito quando era criança, porque mamãe e vovó são óóóótimas na cozinha e sempre tinha um bolinho pro café da tarde. Fui acostumada à ter a família reunida depois das seis para tomar um café, comer um pãozinho, um bolinho, todo mundo junto falando do dia e tudo mais. Delícia! Mas não tenho mais isso..ahaha, então prepara for my self e tenho meu momento nostágico.

Nenhum bolo meu vai se comparar aos da minha vó (um dia chego lá). Me bateu uma vontade de comer bolo de laranja. Achei uma receita fácil na internet e corri para a geladeira. Só tinha 1 laranja…acabei fazendo com suco concentrado de maracujá e raspas de laranja. A calda ficou mista, mas valeu! Ficou bommmmdimais!

A receita original era essa:

  • 1 unidade(s) de laranja sem casca(s)
  • 3 unidade(s) de ovo
  • 1 xícara(s) (chá) de óleo de soja 
  • 3 xícara(s) (chá) de farinha de trigo
  • 2 xícara(s) (chá) de açúcar
  • 1 colher(es) (sopa) de fermento químico em pó

Bati os líquidos à mão mesmo e depois coloquei pouco mais de meio copo de suco de maracujá, raspas de laranja e um tiquinho de leite (porque a massa tava densa demais pro meu gosto). Rapidinho!!!

Light que não sou, fiz um chocolate quente pra acompanhar!

Esse bolo eu dedico pro meu amigo/irmão/amor Welthon!! Feliz dia do amigo!!!

Mais doçuras!

Olá, tudo certinho com você??

Caramba, fiquei um tempo sem postar, mas é que o agito tomou conta e não consegui escrever nada! Nem produzir! Na semana passada minha aventura cupcakeriana continuou e a inspiração baixou total nesta pessoa..rsrs..

Saca só as delícias que eu fiz.

Eeeee, claro, eu tô querendo sempre melhorar. Comprei pasta para decorar os bolinhos. Os corantes que usei não são muito bons, acho que vou ter que investir nisso aí. Mas valeu a tentativa, deu para saber como mexer com essa massinha doce pra caramba!!..ehehhe

E olha só o que ganhei da mamy outro dia!!! Livrinho bááááásico!!..eheheh #amomuito

 

Gente…sem mais por hoje!… Beijoss